Porque o marketing de relacionamento é essencial para o varejo

Porque o marketing de relacionamento é essencial para o varejo

O surgimento de uma crise nos faz pensar em como o processo de vendas no varejo é volátil e precisa constantemente se adaptar. Se não bastasse a forte concorrência, uma retração no consumo reforça como a fidelização de clientes é ainda mais relevante para o setor.

Nesse ponto entra o marketing de relacionamento, uma estratégia que aproxima o cliente e a marca, agrega valor a produtos e serviços e gera vendas recorrentes. Por outro lado, requer estudo constante de estratégias de diferenciação e aplicação das melhores tendências de atendimento ao cliente.

Reter bons consumidores, ampliar a lucratividade e consolidar marcas não são tarefas simples. Por isso, separamos um artigo completo sobre o assunto que você verá logo a seguir.

O que é o marketing de relacionamento?

Podemos definir o marketing de relacionamento como o conjunto de estratégias de construção e consolidação de uma marca. Seu grande diferencial da abordagem tradicional é que ele tem o cliente como o ponto de partida e foco na tomada de decisões.

Dentre as competências que fazem parte do marketing de relacionamento, podemos citar:

  • disseminação da marca;
  • conquista de novos clientes e fidelização dos atuais;
  • criação de autoridade no segmento;
  • atendimento ao público em diferentes canais;
  • conhecimento da base de clientes e do público-alvo.

Tudo é feito para garantir a satisfação e a fidelização do consumidor. Para isso, a empresa precisa criar uma comunicação que gere proximidade com o público e garanta que ele se identifique com os produtos, postura e valores da empresa.

O resultado desse trabalho é a ampliação no alcance de mercado e nas vendas, mas não apenas isso. O cliente se torna recorrente e vira um fã e defensor da marca.

Quais as vantagens de investir em marketing de relacionamento?

Existe ainda a crença de que o relacionamento com o cliente no varejo é pautado por preço, que o consumidor compra onde e o que estiver mais barato. Embora algumas faixas de público sejam mais influenciáveis por essa variável, basear o diferencial competitivo apenas no valor dos produtos pode comprometer a capacidade da empresa a longo prazo.

O marketing de relacionamento leva em conta a valorização da experiência do usuário, fator que tem interferido cada vez mais nas decisões de compra do consumidor.

Quem estrutura bem esse elemento — por meio da comunicação, valores e ações centradas no público — adquire clientes recorrentes e fiéis, que continuam consumindo mesmo após um reajuste inesperado nos preços.

Como iniciar um projeto de marketing de relacionamento no varejo?

Quer descobrir como vender mais no varejo e ter clientes satisfeitos com a sua marca? Acompanhe a seguir e veja como aplicar o marketing de relacionamento no seu estabelecimento.

Organize uma régua de relacionamento

Uma das melhores dicas para otimizar o atendimento e atingir o sucesso na comunicação com clientes e prospects é adotar uma régua de relacionamento.

Essa solução nada mais é do que o cadastro de ações de comunicação pré-definidas ao longo do ciclo de venda, da entrada no funil ao pós-venda de cada compra.

Com um sistema de automação integrado à régua você pode programar mensagens específicas para suceder o primeiro contato, aniversários, oferecer recompensas aos melhores clientes, condições especiais para adquirir produtos, entre outros.

Ofereça atendimento multicanal integrado

O consumidor da atualidade está tanto no ambiente físico quanto no digital. Sua empresa deve acompanhá-lo e dar suporte em ambos. Mais do que isso, é importante oferecer diversos canais de contato e, se possível, compartilhar dados entre eles.

Seu cliente precisa ter liberdade para comprar pela internet e receber informações do pedido presencialmente sem longas esperas ou transferências de um setor ao outro.

Colete e analise dados

Se o cliente entra e sai da loja e você sequer sabe seu nome, quais as chances de você encontrá-lo novamente para divulgar e oferecer um novo produto?

Uma maneira de resolver isso é coletar informações pessoais no momento da compra, por meio de recompensas como um programa de relacionamento ou desconto na próxima compra.

Isso permitirá o registro do cliente na base de dados para envio de comunicações, ofertas e outras ações de fidelização posteriores.

Crie presença nas redes sociais

As redes sociais têm alto poder de engajamento e ainda podem alavancar as vendas. São excelentes maneiras de estabelecer presença no dia a dia do público, conquistar novos consumidores e facilitar a comunicação.

Há quem prefira se manter em todas elas. Outras empresas preferem concentrar esforços nas redes de preferência do seu público. Independentemente da estratégia adotada, é importante criar postagens que conversem com a linguagem dele, responder todos os usuários e monitorar o que está sendo dito sobre a marca nessas plataformas.

Cuide do Pós-Venda

Grande parte do marketing de relacionamento está no pós-venda. Ao oferecer atendimento para tirar dúvidas sobre o produto, ouvir impressões sobre o atendimento, entre outros, a empresa fortalece a confiança do cliente pela marca, melhorando também sua experiência de compra.

E então, entendeu os benefícios de aplicar o marketing de relacionamento no varejo?

Entre em contato conosco para saber como podemos te ajudar!

Telefone: (11) 3093-2665

Equipe UnitFour, informações certas de um jeito inteligente.

Confira também: Enriquecimento de dados | Tratamento de dados

Veja Mais Artigos